Filie-se ao pt

Notícias

Boletim 67 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia

Direto de Curitiba – 30 dias de resistência e cárcere político do ex-presidente

1. Completou-se nesta segunda-feira um mês do movimento de resistência à prisão política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em frente à sede da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde ele está detido de forma arbitrária e inconstitucional. Um mês que transformou Curitiba na capital da resistência, com a Vigília Democrática #LulaLivre, com três acampamentos montados nas imediações da sede da PF. Na esquina Olga Benário, em frente à PF, atos pela liberdade de Lulae em defesa da democracia são realizados todos os dias, a exemplo de outras cidades do Brasil e do exterior.

2. O apoio e solidariedade são materializados todos os dias com o “bom dia, presidente Lula”, entoado por centenas de militantes, parlamentares, artistas e personalidade que acampam ou passam um dia realizando atos em defesa da liberdade de Lula e denunciando as arbitrariedade de Sérgio Moro. São shows, palestras e diferentes atividades ao longo do dia.

3. Em Curitiba, a data não passou em branco. Logo cedo, centenas de defensores da liberdade de Lula ocuparam a praça Osório, na tradicional Boca Maldita da capital paranaense, e distribuíram panfletos à população para marcar este mês de resistência. Foi grande a aceitação do material por parte da população, mostrando que também em Curitiba, como em todo Brasil, as pessoas querem saber como é possível que o maior líder popular do País tenha se tornado um preso político.

4. No início da tarde, defensores de Lula e da democracia, portando faixas e cartazes, realizaram ato pacífico e simbólico na frente do prédio da Justiça Federal no Paraná, onde bate ponto o juiz Sérgio Moro. No pouco tempo em que a Polícia Militar permitiu que o ato acontecesse, o militantes ergueram faixas e cartazes com dizeres como “É Preciso Resistir!” e “Lula Inocente, Lula Presidente”.

5. O teólogo Leonardo Boff visitou o ex-presidente Lula em seu cárcere político e permaneceu por uma hora e meia com o ex-presidente. Depois, reportou sua conversa aos apoiadores de Lula que permanecem na Vigília #LulaLivre e disse que Lula está bem, forte e determinado, mas também indignado com a injusta condenação de que foi vítima, sem nenhuma prova contra si. Boff relatou o que Lula lhe reafirmou: É CANDIDATÍSSIMO À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA!

6. Ao longo de um mês, milhares de pessoas vindas de todos os estados brasileiros e de diversos países daAmérica Latina e da Europa passaram pela Vigília Democrática #LulaLivre. As lentes do repórter fotográfico Joka Madruga registraram momentos importantes da Vigília, em imagens que conferem a dimensão do que significa o aprisionamento de um líder popular da envergadura de Luiz Inácio Lula da Silva. O que se vê na coleção reunida é que mesmo as maiores das injustiças podem gerar beleza, emoção e esperança. Confira.

7. O deputado federal Jorge Solla (PT-BA) esteve da manhã até o início da noite desta segunda-feira no acampamento Marisa Letícia e na Vigília #LulaLivre em Curitiba. Ele se somou às dezenas de parlamentares de esquerda que já visitaram o local.”Estar aqui dando bom dia ao presidente e expressando a nossa indignação é uma necessidade de quem não consegue se calar diante de tamanha injustiça”, declarou o parlamentar.

Boletim 67 – Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia